“É hora de Dilma ir”, diz revista ‘The Economist’

“É hora de Dilma ir”, diz revista ‘The Economist’
23 mar 2016

A mais recente edição da revista britânica The Economist traz artigo sobre o Brasil com o título “Hora de ir”, em referência ao governo da presidente Dilma Rousseff. A revista é publicada no final da semana, mas a capa da edição latino-americana – estampada pela presidente brasileira – foi divulgada no Twitter nesta quarta-feira.

“As dificuldades da presidente têm se aprofundado há meses”, diz o artigo, agregando que o escândalo de corrupção na Petrobras “implicou pessoas próximas a ela. Ela preside sobre uma economia na pior recessão desde os anos 1930, em grande parte por causa de erros que ela cometeu durante seu primeiro mandato. Sua fraqueza política deixou seu governo quase sem poder diante do aumento do desemprego e da queda do padrão de vida.”

A revista opina que Dilma “perdeu o que lhe sobrava de credibilidade” com a nomeação – no momento suspensa por decisão do Supremo Tribunal Federal – do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Casa Civil.

“Este periódico há tempos argumenta apenas o Poder Judiciário e os eleitores – e não políticos agindo em interesse próprio que buscam seu impeachment – poderiam decidir o destino da presidente. Mas a contratação de Lula pareceu uma tentativa grosseira de mudar o curso da Justiça”, diz o artigo.

Compartilhar

Anna Ruth
Anna Ruth

Anna Ruth Dantas é jornalista, apresentadora do programa RN Acontece, da Band Natal; produz e apresenta o programa Jornal da Cidade, da Rádio Cidade (94 FM - Natal), e apresenta o programa Panorama do RN (em rede com 16 emissoras de rádio do Rio Grande do Norte). Jornalista de grande credibilidade, atua também como consultora e ministra cursos de midia trainning na Trilhar Educação Corporativa.

Deixe uma resposta