Imprensa nacional destaca “coerência” de parlamentares na votação do processo de Temer, no RN foram Rafael Motta e Antonio Jácome

Imprensa nacional destaca “coerência” de parlamentares na votação do processo de Temer, no RN foram Rafael Motta e Antonio Jácome
08 Ago 2017
Dos 513 deputados da Câmara Federal, apenas 108 votaram pelo impeachment de Dilma Rousseff (PT), a cassação de Eduardo Cunha (PMDB) e a aceitação da denúncia contra o atual presidente da República, Michel Temer (PMDB).  E na bancada potiguar, apenas dois parlamentares mantiveram essa coerência: Rafael Motta (PSB) e Antonio Jácome (PODEMOS).
A informação é do jornalista Josias de Souza, do UOL Notícias. O PSDB, com 19 deputados, e o PSB, com 16, foram os partidos com mais parlamentares coerentes. Por outro lado, na relação não há qualquer nome do PT ou do PSOL, que foram contrários a saída de Dilma Rousseff.
A ex-presidente Dilma foi afastada em abril de 2016, em processo de impeachment aberto na Câmara dos Deputados para investigar crime de responsabilidade. Presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha foi cassado em setembro do mesmo ano, acusado de mentir sobre a existência de uma conta na Suíça.
Diferente dessas duas votações, que resultaram na derrota dos acusados, a situação de Michel Temer representou uma vitória do atual presidente da República na Câmara dos Deputados, mesmo sendo ele acusado de corrupção passiva pela Procuradoria-Geral da República.
share

Anna Ruth
Anna Ruth

Anna Ruth Dantas é jornalista, apresentadora do programa RN Acontece, da Band Natal; produz e apresenta o programa Jornal da Cidade, da Rádio Cidade (94 FM – Natal), e apresenta o programa Panorama do RN (em rede com 16 emissoras de rádio do Rio Grande do Norte). Jornalista de grande credibilidade, atua também como consultora e ministra cursos de midia trainning na Trilhar Educação Corporativa.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *