Lula: não há intocáveis no Brasil, diz jornal inglês

Lula: não há intocáveis no Brasil, diz jornal inglês
11 mar 2016

Em editorial publicado nesta quinta-feira (10), o jornal britânico “Financial Times” fez elogios à Operação Lava Jato e afirmou que a denúncia do Ministério Público contra o ex-presidente Lula reforça a ideia de que não há ‘intocáveis’ no Brasil.

Para a publicação, as investigações do escândalo da Petrobras mostraram a força das instituições brasileiras ao julgar e prender nomes poderosos, como o empresário Marcelo Odebrecht, condenado pelo juiz Sergio Moro a 19 anos e 4 meses de prisão.

“A noção que de que não há intocáveis no Brasil foi reforçada ainda mais agora […] É difícil imaginar algo parecido acontecendo em outros Brics atormentados pela corrupção, como Rússia ou China.”, diz o jornal.

O texto também destaca o custo político e econômico que a operação tem gerado para a presidente Dilma e disse que o futuro ainda é incerto, especialmente com o risco crescente de polarização do ambiente político.

“Prever como tudo se desenrolará ainda é apenas dar um palpite. Se os protestos de domingo atingirem as mesmas duas milhões de pessoas que foram às ruas em março, a coalizão do governo pode entrar em colapso. As bolsas têm subido acreditando que esse processo catártico poderia antecipar as eleições e estimular uma política econômica razoável. Contudo, o oposto também é possível, especialmente com novas evidências de corrupção no primeiro escalão emergindo”, diz o editorial.

lula-no-mundo-638x400

Compartilhar

Anna Ruth
Anna Ruth

Anna Ruth Dantas é jornalista, apresentadora do programa RN Acontece, da Band Natal; produz e apresenta o programa Jornal da Cidade, da Rádio Cidade (94 FM - Natal), e apresenta o programa Panorama do RN (em rede com 16 emissoras de rádio do Rio Grande do Norte). Jornalista de grande credibilidade, atua também como consultora e ministra cursos de midia trainning na Trilhar Educação Corporativa.

Comentários

  1. “1964, UM TRISTE RETORNO”
    A OPINIÃO DESTE POETA SOBRE A SITUAÇÃO DE GOLPE EXISTENTE HOJE NO BRASIL

    Poeta Cypriano Maribondo – cmgtpoeta@yahoo.com.br– Em 11 de março de 2016

    Acreditei que os “ANOS DE CHUMBO,
    No BRASIL haviam ficado para traz.
    Que a nova DEMOCRACIA Brasileira.
    Era segura, com um futuro de paz.
    Com a DIREITA FASCISTA brasileira.
    O ano sessenta e quatro vai voltar.
    O PSDB e o DEM, hoje derrotados.
    A nossa democracia querem acabar.

    Estão tentando enganar o BRASIL.
    Enquanto ROUBAM a nossa nação.
    Invertem verdades, compram JUIZ.
    O Poder a qualquer custo é obsessão.
    Agora querem prender nosso LULA.
    Do BRASIL foi MELHOR PRESIDENTE.
    Levou a pobreza as universidades.
    Para a elite foi um erro contundente.

    PSDB, DEM e GLOBO não aceitam.
    Pobre estudar e se formar doutor.
    Junto com os filhos dos burgueses.
    Para a elite do Brasil é um horror.
    Querem um povo sem educação.
    Para que ELITE possa manipular.
    O medo deles é o motivo principal.
    Do GOLPE que querem executar.

    Ao trabalhador livre brasileiro.
    Que a direita brasileira não atura.
    Lembro o NELSON RODRIGUES.
    “TODA UNANIMIDADE É BURRA. ”
    O brasileiro de hoje é diferente.
    Ele está educado e sabe decidir.
    A era do pão e circo já acabou.
    Contra o GOLPE vamos resistir.

    Vamos as ruas, pela democracia
    DILMA e LULA nós vamos defender.
    Não aceitamos GOLPE DE ESTADO.
    Sessenta e quatro vamos esquecer.
    Eles foram eleitos pelo voto livre.
    O Fascista AÉCIO não sabe perder.
    Ele quer o poder a qualquer custo.
    Quer matar, exilar e quer prender.

    Apoiado por uma JUSTIÇA injusta.
    Que defende AÉCIO e acusa o LULA.
    Quem merece ser preso é o AÉCIO.
    Que nos rouba, sequestra e abusa.
    A quadrilha de fascistas brasileiros.
    Presos eles já deveriam juntos estar.
    Estão protegidos por este tal “JUIZ. ”
    Que quer nossa DEMOCRACIA acabar.

    Vamos as ruas mostrar aos fascistas.
    Que a DEMOCRACIA vamos defender.
    Não tememos ao AÉCIO e companhia.
    Contra o GOLPE vamos lutar e vencer.
    Mostrar que nós não somos fantoches.
    Os ANOS DE CHUMBO não existem mais
    Não aceitamos o retorno deste GOLPE.
    AÉCIO e JOSÉ SERRA, no Brasil, jamais.

Deixe uma resposta