Professor da rede municipal de Natal vence a etapa estadual do “Prêmio Professores do Brasil”

Professor da rede municipal de Natal vence a etapa estadual do “Prêmio Professores do Brasil”
13 Set 2018

O universo da Matemática pode assustar muitos alunos com as inúmeras operações, resultados e mais números. A ação de um pedagogo da Escola Municipal Professora Maria Madalena Xavier de Andrade, situada no bairro Potengi, tem facilitado a compreensão dos estudantes com relação à disciplina. Por meio do projeto “O bicho-papão da divisão virou um gatinho”, o professor Nelson Rodrigues de Barros conquista o 1º lugar em âmbito estadual do Prêmio Professores do Brasil 2018, na categoria 4º e 5º ano do Ensino Fundamental. E vai representar o Estado do Rio Grande do Norte, na etapa Nordeste. O resultado foi divulgado na tarde desta quarta-feira (12) pelo Ministério da Educação (MEC).

 

O professor Nelson Rodrigues explica que seu projeto pedagógico matemático foi criado a partir da necessidade essencial de ajudar os alunos a entenderem as operações básicas da divisão.Ele conta que ficou extremamente preocupado com os baixos resultados das avaliações diagnósticas, realizadas no início do ano letivo de 2018. “Fiquei frustrado com as notas de Matemática, principalmente no que tange a operação de divisão. Apenas cinco alunos tiveram pontos satisfatórios”, lembrou.

 

A decepção levou o professor buscar novas metodologias, novos caminhos, para que os estudantes desenvolvessem a aprendizagem a respeito do tema, visto que da maneira tradicional do ensino não havia evolução. “De maneira lúdica, inventei um jogo de divisão (com a operação de um algarismo no divisor, e qualquer quantidade no dividendo), onde inverteu toda a realidade que presenciei nas primeiras aulas”, afirmou.

 

 

“O bicho-papão da divisão virou um gatinho”, conseguiu despertar a atenção dos estudantes e promover uma verdadeira transformação no ensino da disciplina na turma. O pedagogo desenvolveu o projeto com a sua turma de 5º ano, formada por 29 alunos.

 

 

O docente avaliou que antes do projeto, apenas 17% desenvolviam operações de divisão, por mais simples que fossem. Depois do jogo, essa porcentagem passou para 80%, em apenas um mês e meio. “Estudantes que não conseguiam fazer: 4 dividido por 2; hoje fazem: 3.986.120 dividido por 2”, contou orgulhoso.

 

 

Segundo o pedagogo é um projeto de fácil assimilação, por meio de um jogo que consiste em transformar a operação tradicional da divisão em processos de trabalho de um restaurante, de maneira clara, lúdica e divertida, sem alterar a essência e o resultado final. E para os recursos didáticos: só precisa da lousa e um piloto ou uma folha de caderno e uma caneta. “Entendendo a metodologia e as regras básicas do jogo, os alunos passam a realizar cálculos inacreditáveis”.

share

Anna Ruth
Anna Ruth

Anna Ruth Dantas é jornalista, apresentadora do programa RN Acontece, da Band Natal; produz e apresenta o programa Jornal da Cidade, da Rádio Cidade (94 FM - Natal), e apresenta o programa Panorama do RN (em rede com 16 emissoras de rádio do Rio Grande do Norte). Jornalista de grande credibilidade, atua também como consultora e ministra cursos de midia trainning na Trilhar Educação Corporativa.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *